Translate

quinta-feira, 21 de junho de 2007

A Cinderela do Século XXI

Se quiserem contar a história da Cinderela ás crianças sem que sejam apelidados de COTAS, deixo-vos com a versão actualizada que podem ler abaixo. (Se conseguirem.)





Há bué da time havia uma garina cujo cota já tinha esticado o pernil e que vivia com a chunga da madrasta e as melgas das filhas dela.

Cinderela, Cindy para os amigos, parecia que vivia na prisa, sem tempo para sequer enviar uns mails.

Com este desatino só lhe apetecia dar de frosques, porque a madrasta fazia bué de cenas.

É então que a Cindy fica a saber de alta cena que ia acontecer: Uma party..!

A gaja curtiu totil a ideia, mas as outras chavalas cortaram-lhe as bases.

Ela ficou completamente passada, mas depois de andar à toa durante uma beca, apareceu-lhe uma fada baril que lhe abichou uma farda bacana e ela ficou a parecer uma ganda febra.

Só que ela só podia afiambrar da cena até ao bater das 12.

A tipa mordeu o esquema e foi pá borga sempre a abrir. Ao entrar na party topou um mano cheio da papel, que era bom comó milho e que também a galou.

Aí a Cindy passou-se dos carretos e esbundaram 'all night long', até que ao ouvir das 12 ela teve de se axandrar e bazou.

O mitra ficou completamente abardinado quando ela deu de fuga e foi atrás dela mas só encontrou pelo caminho o chanato da dama.

No dia seguinte, com uma alta fezada, meteu-se nos calcantes e foi a procura do chispe que entrasse no chanato.

Como era alto cromo, teve uma vaca descomunal e encontrou a maluca, para grande desatino das outras fatelas que tiveram ganda vaipe quando souberam que eles iam juntar os trapos.

No fim, a garina e o chavalo curtiram largo e foram bué da happy.

Voltar ao iníco do Blog


4 comentários:

marta disse...

Pois, já não chega o inglês, francês, alemão e q.b. de português. Outros idiomas vão aparecendo : a escrita à msn e o falar àjovem. Não sendo jovem, nem percebendo nada do que os meus jovens filhos teclam no msn (será morse moderno?), percebi esta nova versão da Cinderela. Uma palavra apenas, me soa estranha: amigos. Terá sido uma gralha, um lapsus linguae, um arcaísmo?

H. Vicente Cândido disse...

Bem... sempe poderia substituir o "Amigos" por "friends" mas, eventualmente teria que traduzir o texto todo para inglês e, para manter o mesmo sentido em toda a história, o melhor mesmo era usar os termos dos jovens Americanos.
Temos de concordar que não seria uma linguagem muito aconselhada para um Blog apropriado a todas as idades.

(Afinal, bem vistas as coisas, os jovens Portugueses até são bastante "moderados" na fala, comparando com outros países).

Obrigado pelo comentário.

Paulo Afonso disse...

Ganda cena,pá!
Bué da fixe e agora topei a coisa...
Cindy e o Cromo curtiram-se mêmo

Sorte prá garina, né?

Curti totil…

LOL

Anónimo disse...

eu gostei muito desta história, por favor escreve sobre o pinoquio!!!